Você já ouviu falar em Marketing de Produto? Essa é uma estratégia capaz de trazer inovação e fidelização para o seu negócio, para além do marketing tradicional. Por outro lado, costuma gerar dúvidas nos gestores que, por algum motivo, não sabem como implementá-la.

Neste post, veremos o que é o Marketing de Produto, quais benefícios ele traz para os pequenos negócios e como você pode colocar este conceito em prática mesmo sem um grande investimento. Se você também tem alguma dúvida a respeito do tema, não deixe de acompanhar a leitura!

Definição de Marketing de Produto

Marketing de Produto é uma estratégia cujo objetivo é divulgar um produto e conectar essa solução aos seus clientes. Para que as ações funcionem, portanto, os profissionais da área precisam entender muito bem aquilo que os consumidores desejam. Se você aplicar o Marketing de Produto ao seu negócio, precisa definir um plano de ação e o acompanhamento das estratégias para identificar a eficiência no mercado.

Essa vertente do marketing pode ser utilizada tanto para posicionar um novo produto quanto para reposicionar algo que você já vende, mas deseja testar outro ângulo de abordagem.

Essa área acompanha todo o processo da solução, desde a ideia até sua implementação, passando pela definição de canais, pelo entendimento do público-alvo e pelas lacunas deixadas pela concorrência.

É fundamental que os profissionais de Marketing de Produto (conhecidos também como Product Marketing Manager ou Gerentes de Marketing de Produto) estabeleçam e monitorem as métricas para mensurar a eficiência dos planos de ação. Se o seu negócio tem uma área de Produto, por exemplo, os gerentes de Marketing devem trabalhar em conjunto com esse setor para garantir uma melhor experiência para o cliente.

Para entender melhor esse conceito, veja algumas vantagens que ele oferece!

5 benefícios do Marketing de Produto

Confira agora 5 benefícios que o Marketing de Produto pode trazer para o seu negócio!

1. Autoridade no mercado

O Marketing de Produto envolve estratégias de posicionamento da sua solução no mercado, o que contribui para você conquistar autoridade no seu setor.

Oferecendo aquilo que os seus clientes precisam, você se torna um negócio de referência para essas pessoas, fazendo com que a sua reputação se espalhe. Com autoridade e um posicionamento único no seu segmento, você atrai cada vez mais consumidores que querem conhecer o seu negócio e comprar de você.

2. Maior engajamento e fidelização

Um dos objetivos do Marketing de Produto é alinhar o máximo possível a sua solução às necessidades do cliente. Isso significa maiores chances de engajamento alto por parte dos consumidores em relação ao seu produto. Afinal, você está oferecendo exatamente aquilo que eles precisam.

Além disso, como uma das funções do Marketing de Produto é estudar constantemente as inovações do mercado e atentar para novas necessidades ou desejos dos clientes, uma das vantagens dessa estratégia é garantir que a sua solução sempre acompanhe esse movimento.

Ou seja, o seu produto evolui conforme os seus clientes também evoluem. Isso tem ainda outro efeito muito positivo, que é a fidelização. Afinal, oferecendo soluções para as dores dos consumidores, você mantém essas pessoas comprando do seu negócio no longo prazo.

3. Maior número de vendas

Quando falamos em autoridade, engajamento e fidelização de clientes, o aumento das vendas é uma consequência desse processo. Por isso, apostar em Marketing de Produto significa maiores chances de vender a sua solução para os clientes e expandir no mercado.

Consumidores fidelizados podem recomendar seus produtos ou escrever resenhas positivas, além de enviarem feedbacks para o seu negócio, que podem ser compartilhados nas redes sociais. Isso ajuda a atrair novos clientes, além de consolidar a sua marca.

4. Alinhamento entre as equipes

A partir do marketing de produto, também é possível alinhar as equipes, fazendo com que os times de vendas, marketing e produto dialoguem na mesma língua, quando se trata de estratégias e resultados esperados.

Afinal, suas definições atribuem à equipe de vendas o argumento certo para vender a solução a seus clientes. Do mesmo modo, dão ferramentas para que o marketing possa posicionar a marca e comunicar o produto da maneira mais adequada. Esse alinhamento transmite uma imagem consistente da solução oferecida.

5. Compreensão das necessidades do público

Por último, vale destacar a importância do marketing de produto para a compreensão das necessidades do público-alvo. Como visto, essa estratégia auxilia no estabelecimento de relações sólidas entre o produto oferecido e as dores específicas do seu cliente para um melhor posicionamento no mercado.

Nesse sentido, há uma personalização em todas as ações tomadas pelo negócio, a fim de garantir que, a cada compra, o usuário tenha uma experiência única com o seu produto.

6 dicas de ouro para você implementar uma estratégia de Marketing de Produto

Agora que você já entendeu como o Marketing de Produto pode ajudar o seu negócio, talvez esteja se perguntando por onde começar e o que fazer para implementar essa estratégia.

Por isso, confira algumas dicas, a seguir!

1. Conheça o seu cliente

Como um dos pilares do Marketing de Produto é oferecer soluções eficientes para os clientes, conhecer o consumidor é um passo muito importante para ter sucesso com essa estratégia. Mas como você pode aprofundar o entendimento sobre o seu público? Há diversas maneiras de fazer isso, como:

  • criar enquetes nos stories, oferecendo opções para os seguidores votarem;
  • enviar uma pesquisa no Google Forms para os seus clientes;
  • ver quais tipos de posts mais engajam nas suas redes sociais;
  • observar os comentários ou as dúvidas mais frequentes nos seus posts;
  • conversar com o time de atendimento para entender as principais dores e reclamações dos clientes.

O seu objetivo deve ser compreender desejos, pensamentos, necessidades, problemas e urgências do seu público. Com essas informações, você tem mais ferramentas para decidir sobre quais produtos oferecer ou o que é preciso melhorar naquilo que já oferece. Outro ponto importante é entender a jornada de compra do cliente, para definir as melhores estratégias para cada etapa.

2. Encontre uma lacuna no mercado

Você sabe qual a lacuna do mercado que o seu produto preenche? Em uma estratégia de Marketing de Produto, é importante ter essa consciência. Para ajudar nesse ponto, nossa dica é investigar seus concorrentes e entender quais os valores, propósitos e produtos que eles oferecem aos clientes.

O que eles propõem resolver? O que eles não estão fazendo e o que você poderia oferecer para os consumidores? Ao analisar os desejos do seu público e as lacunas do mercado, você consegue ter uma visão mais clara sobre como pode promover o seu produto da melhor forma.

Além disso, a área de Marketing de Produto também fica responsável por propor o preço e construir ofertas lucrativas para o negócio e que façam sentido para os clientes, considerando os parâmetros do mercado.

3. Encontre seus diferenciais

Conhecendo a fundo os seus clientes e encontrando as lacunas do mercado, você também poderá descobrir em que o seu produto se destaca dos demais. Ou seja, quais são as dores e demandas que ele supre e que o tornam diferente dos demais. Encontrar seus diferenciais, portanto, é fundamental para implementar a estratégia.

Somente desse modo é possível posicionar de maneira eficaz a solução, exaltando para o público suas características positivas e convencendo sobre o retorno que o cliente terá investindo na marca. Sendo assim, é importante que a equipe se questione frequentemente: "O que torna este produto único?".

4. Ouça seus clientes

Por melhor que seja o estudo realizado pelo seu negócio, somente quando lançada no mercado a proposta pode se mostrar efetiva. Para além dos números, considere as percepções dos seus clientes sobre a estratégia desenvolvida. Nesse sentido, vale colher feedbacks e pesquisas de satisfação para saber em que melhorar.

Você pode utilizar as redes sociais e outros meios de comunicação digital para entender se as expectativas dos clientes foram atendidas, visualizar falhas de comunicação e conferir oportunidades para inovar.

5. Conte com boas soluções

Foi-se a época em que uma boa comunicação bastava para vender um produto. Na era da informação, os clientes se tornam cada vez mais exigentes. Isso se aplica a todas as etapas de venda de um produto, desde o lançamento das campanhas até o atendimento e suporte pós-venda.

Nesse sentido, é importante ter em mente a importância de contar com boas soluções. Como exemplo, vale destacar a facilidade dos meios de pagamento e a presença digital do seu negócio.

6. Apresente o seu produto

Você já deve ter ouvido aquela famosa frase “quem não é visto não é lembrado”, certo? Então, o Marketing de Produto consiste também em promover os seus produtos constantemente, mostrando quais são os diferenciais deles, quais problemas eles resolvem e de que modo.

Para isso, selecione os canais de divulgação e conte com o depoimento de seus clientes fiéis que tiveram boas experiências. Promova esses relatos e deixe o mundo ver como o seu produto consegue ajudá-lo.

O Marketing de Produto é uma estratégia que, cada vez mais, se torna uma necessidade para os negócios que desejam crescer de maneira sustentável. Diante da competitividade do mercado e da infinidade de informações às quais o cliente tem acesso, é preciso mostrar que o seu produto pode agregar valor e solucionar necessidades reais do público. Seguindo as dicas deste post, entretanto, você pode inovar na oferta, aumentar as vendas e trazer fidelização no longo prazo, percebendo resultados cada vez melhores.

Gostou do conteúdo? Agora que você já sabe como implementar uma estratégia de Marketing de Produto, confira nosso post com dicas para quando o cliente acha seu produto caro!