Tempo de leitura: 6 minutos

Você quer melhorar o seu marketing para a terceira idade? Esse é um público consumidor bastante amplo e configura uma boa oportunidade de vendas para o seu negócio. 

Segundo um levantamento feito pela Kantar IBOPE Media, em 2020, 85% das pessoas da terceira idade entrevistadas afirmaram ter utilizado a internet para se informarem sobre algo que desejavam comprar. Além disso, 75% deles realmente concluíram a compra em ambiente virtual.   

No post de hoje, trazemos 6 dicas eficientes para você implementar no seu marketing para a terceira idade. Vem ler!

Três principais aprendizados de hoje

  1. A primeira dica para você desenvolver estratégias de marketing para a terceira idade é definir a faixa etária do seu público. Uma pessoa de 60 anos tem necessidades diferentes de uma de 85, mesmo que alguns interesses sejam os mesmos. Por isso, antes de tudo, estabeleça qual a faixa etária do seu cliente ideal para oferecer as melhores soluções para ele. A segunda dica de hoje é mostrar credibilidade. Como o público da terceira idade pode ser um pouco mais desconfiado, é preciso passar uma sensação de confiança para ele. Dê garantia em relação aos seus produtos e mostre que as formas de pagamento online são seguras. 
  2. A terceira dica é apostar em personalização. Ofereça um atendimento mais próximo ao seu público. Para isso, qualifique a sua equipe e disponibilize os canais de preferência dos clientes, como o telefone. Já a quarta dica de hoje é estabelecer conexão. A ideia é se conectar ao público, utilizando imagens de pessoas da mesma faixa etária do seu cliente ideal. Além disso, colha depoimentos em vídeo de consumidores da terceira idade para fortalecer a conexão e facilitar o reconhecimento que outros possíveis clientes podem ter em relação a essas pessoas.
  3. A quinta dica da lista é criar ofertas exclusivas. Descubra os principais problemas do seu público e pense nas melhores ofertas para resolver essas dores. Envie um formulário personalizado para o público com o objetivo de entender quais as necessidades centrais dele. A sexta dica é ter clareza e objetividade na mensagem. Se precisar colher informações pessoais ou do cartão, por exemplo, explique exatamente o porquê de você solicitar esses dados. Além disso, simplifique os seus processos de compras, reduza etapas e evite pedir as mesmas informações mais de uma vez para o mesmo cliente.
  1. Defina a faixa etária

A terceira idade acaba sendo ampla e uma pessoa de 60 anos não tem as mesmas necessidades de alguém de 85. É claro que muitos interesses se mantêm, mas é preciso lidar com as especificidades de cada faixa etária. 

Então, antes de começar as suas estratégias de marketing, defina com qual público a sua empresa está falando e ofereça as soluções mais adequadas para cada idade.

  1. Mostre credibilidade

O público da terceira idade pode ser um pouco mais desconfiado com o ambiente virtual, até mesmo por uma questão de desconhecimento, principalmente quando falamos em compras online

Por isso, um dos principais objetivos da sua empresa é quebrar com as possíveis objeções que esse público pode ter em relação às operações online. 

Mostre que o cliente está em um ambiente seguro e que as informações dele estão protegidas. Na página de finalização da compra, inclua certificados que mostrem a credibilidade do meio de pagamento escolhido. 

Outra opção é dar garantia para os clientes, como devolução do produto ou cancelamento de contrato, de acordo com condições pré-estabelecidas e por um período determinado. 

Uma vez que o seu negócio se mostra disposto a devolver o dinheiro do cliente em algumas situações, ele pode confiar mais na sua empresa e na qualidade do seu produto.

  1. Conecte-se

Conecte-se com o cliente da terceira idade mostrando perfis semelhantes no seu site, nos anúncios e nas redes sociais.

O público precisa se sentir representado. Por isso, inclua fotos com pessoas da mesma faixa etária nos seus canais digitais

Outra ideia é colher depoimentos em vídeo de consumidores com a mesma faixa etária do seu cliente ideal, o que também reforça a credibilidade do seu negócio.

Assim, o seu público pode se reconhecer nessas pessoas e levar o seu negócio em consideração na hora de realizar uma compra. 

  1. Aposte em personalização

O público da terceira idade costuma gostar da proximidade com a marca, o que também aumenta a confiança que ele tem no negócio. 

Por isso, ofereça um atendimento mais dedicado e personalizado. É interessante qualificar a sua equipe para prestar um serviço diferenciado e focado no público, direcionando soluções para as principais dificuldades.

Além disso, as pessoas da terceira idade podem preferir canais de contato como o telefone, então, é bom disponibilizar atendimento por esse meio. 

  1. Crie ofertas exclusivas

Descubra os principais problemas do seu público e faça ofertas exclusivas para resolver essas dores. 

Uma dica é enviar um formulário para ser preenchido rapidamente, com questões objetivas de múltipla escolha. Assim, você consegue entender quais os principais problemas e o que deve ser priorizado no seu marketing para a terceira idade. 

Com isso, sua empresa faz ofertas mais precisas e que atraem mais a atenção do público visado, já que elas devem resolver as dores centrais do dia a dia dele. 

  1. Tenha clareza e objetividade na mensagem

Na hora de criar suas comunicações para o público da terceira idade, a mensagem deve ser o mais simples e clara possível.

Ir direto ao ponto é uma boa pedida para o marketing em geral, mas quando falamos na terceira idade, isso é especialmente importante.

Se você tem um e-commerce, por exemplo, é preciso ser muito claro ao pedir informações, como dados pessoais e do cartão, para que o público entenda para que isso está sendo solicitado. Mais uma vez, aqui se trata de reforçar a segurança e a credibilidade do seu negócio diante dos clientes da terceira idade.

Uma dica é pensar em mensagens como se você se comunicasse com uma pessoa que compra online pela primeira vez e não conhece esse tipo de mercado. Mesmo que o cliente já tenha feito outras compras antes, isso garante a objetividade e a simplicidade da comunicação.

Da mesma forma, evite processos complexos para o público. O ideal é facilitar o fluxo de compras o máximo possível, sem criar várias etapas para a finalização da operação. Também evite pedir informações repetidas para um mesmo cliente.

O que você achou do post de hoje? Se você quer continuar por dentro das novidades do Papo de Balcão, entre no nosso grupo exclusivo no Telegram. Para isso, clique aqui, utilizando o seu celular: Grupo PDB

Obrigada pelo papo e conte com a gente!