Durante vendas online, um dos pontos mais importantes da jornada do consumidor é o momento em que ele fará o pagamento da sua compra. Nessa hora, os sistemas de pagamentos online do site de vendas devem garantir que as informações sejam processadas com segurança e privacidade. Além disso, precisam entregar o resultado da operação rapidamente, garantindo que a percepção do cliente não seja afetada.

A garantia da segurança no e-commerce é fundamental, também, para dar credibilidade para o seu negócio. Os clientes ficarão mais seguros ao realizar compras em sua página de vendas. Ao mesmo tempo, o negócio estará mais alinhado com as normas do mercado para a privacidade e a cibersegurança.

Se você quer saber mais sobre o tema e como garantir a segurança dos seus sistemas de pagamento online, prossiga com a leitura do post!

Por que investir em segurança no e-commerce?

A segurança digital sempre esteve acompanhada da tecnologia. Ela é fundamental para a transformação digital dos negócios. Além disso, ajuda soluções voltadas para o ambiente corporativo, como as máquinas de pagamento de cartão, a serem mais seguras e confiáveis.

No ecommerce, investir em uma política de segurança de dados robusta também é importante. Isso ajuda o negócio a ficar alinhado com as normas do mercado e as demandas de clientes e parceiros comerciais: a marca conseguirá adaptar-se a normas como a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais e, em simultâneo, conseguirá atingir um tipo de cliente que está cada vez mais preocupado com o modo como as suas informações são utilizadas.

Esse cuidado, naturalmente, passa por todas as etapas do processo de compras. E, nesse contexto, o momento em que o pagamento online ocorre é o mais crítico: é nessa hora que o negócio receberá um conjunto de dados sensíveis de seus clientes, o que faz essa ser uma etapa muito visada por hackers em todo o planeta.

Como tornar o negócio mais seguro para lidar com sistemas de pagamento online?

Para otimizar os sistemas de pagamento online do seu negócio, alguns cuidados devem ser tomados. Eles ajudam na prevenção de vulnerabilidades, reduzem riscos e auxiliam na correção de falhas. Além disso, tornam toda a infraestrutura mais confiável.

Confira, a seguir, alguns passos que podem ser dados nesse sentido!

Diversifique as formas de pagamento

O primeiro passo para ter sucesso com o uso de sistemas de pagamento online é ter mais de uma alternativa para o seu cliente. Isso ajuda o negócio a lidar com cenários em que a ferramenta principal, por exemplo, apresenta uma falha. Além disso, dá mais flexibilidade durante a jornada de compras, algo fundamental para aumentar vendas.

Invista em meios como o PIX e um sistema de pagamentos online que permite pagamentos com carteiras digitais, cartões de crédito, débito e boletos bancários. Assim, o seu consumidor sempre conseguirá fechar a compra rapidamente.

Teste a segurança do seu site

Os testes de segurança de dados são uma rotina crucial para quem está investindo em processos de cibersegurança. Eles são realizados por negócios parceiras para avaliar se o negócio conta com uma infraestrutura robusta e dentro dos padrões do mercado. Ao final, um relatório é entregue com melhorias e informações coletadas pelos auditores.

Mantenha sistemas atualizados

Um negócio que investe na tecnologia para fazer vendas precisa investir sempre em um processo de aplicação de atualizações que seja rápido e funcional. Os updates, afinal, são muito mais do que mecanismos para ter acesso a novas funcionalidades de um software: eles ajudam na correção de bugs e brechas de segurança que podem afetar diretamente a habilidade de um negócio fazer vendas na internet em segurança.

Invista em aplicações reconhecidas pelo mercado

A escolha de um sistema de vendas e pagamentos online deve sempre priorizar as soluções que contam com alta credibilidade. Eles trazem mais confiança na hora de fechar a contração: como já passaram por várias situações de alta demanda, como a Black Friday, há maior experiência por parte do desenvolvedor na correção de falhas críticas.

Utilize a criptografia

A criptografia é um ponto básico para o uso de sistemas de pagamentos online. Ela evita que terceiros tenham acesso aos dados e, com isso, torna a transferência de informações sensíveis imune a vazamentos. Portanto, sempre invista em aplicações de pagamento que contam com criptografia moderna.

Como ter uma boa estratégia para vendas online?

A internet é uma grande força para marcas ampliarem os seus lucros e atingirem o seu público-alvo. As redes sociais são um ótimo ambiente para realizar marketing direcionado e, ao mesmo tempo, criar laços com os seus consumidores. Isso minimiza o custo de aquisição de novos clientes e, em simultâneo, faz os consumidores se fidelizarem mais.

Diante disso, a estratégia de vendas online deve ser pensada de maneira ampla. Não basta apenas o empreendedor ter uma linguagem alinhada com o perfil da marca e posts que promovam o engajamento: todas as etapas da jornada de compras devem ser otimizadas para evitar erros e garantir que o caminho para fechar a compra seja o mais fluído possível.

Portanto, não deixe de garantir que a infraestrutura tecnológica que dá vida ao seu site de ecommerce funcione adequadamente. Faça ajustes nas áreas de segurança, performance e usabilidade. Assim, os seus clientes sempre terão uma boa experiência ao lidar com a sua marca.

As vendas pela internet são a principal maneira de fazer negócios para vários empreendedores. Impulsionados por redes sociais como o Instagram, micronegócios conseguem atingir os seus clientes e maximizar a sua competitividade. Além disso, podem realizar parcerias, contratar influencers e conseguir ampliar a presença da sua marca.

Mas, para que a experiência de compra seja bem estruturada, cada detalhe deve ser otimizado. Um dos mais importantes são os meios de pagamentos online, afinal, eles processam todos os dados da venda e dos consumidores. Portanto, não deixe de garantir que o seu negócio tenha mecanismos de processamento de pagamentos seguros e confiáveis.

Curtiu nosso conteúdo? Então continue com sua visita ao blog e entenda quais as melhores ferramentas financeiras para o seu negócio!