Fazer com que seus produtos ou serviços atinjam o maior número de pessoas possível é o objetivo principal de qualquer empresa. Para isso, a gestão de ponto de venda se torna uma peça-chave, já que são significativas as decisões de compra que acontecem na loja.

Na correria do dia a dia, com as diversas obrigações envolvidas na gestão de um negócio, como fazer controle do fluxo de caixa operacional e entrar em contato com fornecedores, essas melhorias fundamentais podem acabar ficando de lado.

Para não cair nessa armadilha, confira a seguir 7 dicas que separamos para você otimizar o seu ponto de venda e lucrar mais!

1. Utilize técnicas e metodologias de merchandising

É quase certo que você já entrou em uma loja e acabou levando algum produto a mais devido à sua disposição na prateleira, intencionalmente projetada para isso. Também já deve ter tido a atenção fisgada por uma boa comunicação no mesmo local.

Esses são alguns exemplos de ações que podem ser realizadas no ponto de venda para estimular o consumidor a comprar mais.

Levando em consideração esse aspecto, um planejamento detalhado sobre a disposição dos produtos é um grande diferencial. Veja algumas ideias:

  • faça um mapa de calor da loja e identifique os locais que as pessoas mais visitam, para colocar os produtos posicionados de forma estratégica;
  • deixe os produtos que têm alta saída próximos aos produtos de baixa saída ou de itens promocionais;
  • organize os produtos da loja de acordo com a sazonalidade (itens mais vendidos no verão, por exemplo, ficam em maior destaque nessa época do ano);
  • agrupe produtos por categoria;
  • deixe próximo ao caixa produtos de menor valor e úteis, aqueles nos quais o cliente não pensa muito antes de consumir;
  • destaque sua comunicação para aumentar as vendas de determinados produtos ou serviços (leve 3 pague 2, de X por Y, últimas unidades).

Lembre-se de manter tudo de forma organizada, para não dificultar a localização das mercadorias pelos clientes.

2. Tenha uma equipe bem-treinada

Cada cliente que entra na loja é uma oportunidade de venda. Por isso, uma equipe de vendas preparada também está relacionada ao sucesso do seu ponto de venda. Promova ações como:

  • manter o time motivado com metas e benefícios;
  • investir em cursos e treinamentos;
  • orientar os vendedores a oferecer produtos complementares.

A equipe de vendas é o principal ponto de contato com sua empresa. Ela representa, muitas vezes, a voz da marca. Logo, é importante ter pessoas capacitadas e alinhadas com o seu propósito.

Encantar seus clientes com um excelente atendimento fideliza e faz com que eles indiquem seus produtos ou serviços a outras pessoas.

3. Escolha os produtos ou serviços certos

Quando uma pessoa visita o ponto de venda, ela deseja encontrar produtos, ou serviços, que satisfaçam as suas necessidades. Por isso é tão importante uma gestão de estoque eficiente, além da escolha certa de serviços prestados. Para isso, você precisa:

  • conhecer bem o cliente;
  • buscar fornecedores de qualidade;
  • garantir que os produtos/serviços favoritos estejam sempre disponíveis;
  • ter uma comunicação eficiente com seu público.

Cuidar das demandas do seu cliente também faz parte de um atendimento qualificado. Sendo assim, ter atenção ao mix de produtos e serviços oferecidos se torna essencial para garantir vendas.

4. Tenha um ambiente atrativo

Não tem como pensar em ponto de venda sem ter em mente os elementos que compõem esse local. Tudo pode funcionar como atrativo — desde a decoração ao cheiro da loja. Neste momento, o foco é no bem-estar do cliente. Logo:

  • mantenha o ambiente limpo e organizado;
  • busque por elementos que tragam identificação com seu público.

5. Faça uma pesquisa na concorrência

Uma boa dica para implementar diferentes ações no seu negócio é observar como seu concorrente está trabalhando. A inspiração pode trazer à tona várias ideias para aplicar no seu ponto de venda. Essa ação é conhecida como benchmarking, e é bastante comum em todos os segmentos.

Analise o que seu concorrente está fazendo com um olhar de cliente e seja crítico. A ideia aqui não é copiar, mas se inspirar em ações implementadas.

6. Organize a gestão financeira

Oferecer formas de pagamento facilitadas e uma gestão eficiente favorecem a satisfação do cliente. Por isso, também é um tópico importante quando se fala sobre ponto de venda.
Ter um software de gestão comercial integrado ao seu fornecedor de pagamento irá trazer inúmeros benefícios para o estabelecimento, como:

  • Diminuir as filas do caixa, reduzindo assim o tempo de venda;
  • Aumento de produtividade do caixa;
  • Facilidade e ganho de espaço no estabelecimento;
  • Reduzir erros e fraudes no fechamento do caixa.

7. Mensure os resultados

Depois de montar todo o planejamento e aplicá-lo, chega o momento de avaliar se as suas ações estão trazendo resultado. Nesse caso, os indicadores de desempenho, ou KPI's, são fundamentais.
Alguns pontos importantes de serem avaliados:

  • decisões de compra tomadas no ponto de venda;
  • número de vendas;
  • tempo de venda;
  • ticket médio (vendas por cliente).

Mensurar e avaliar esses dados mantém a estratégia eficiente e auxilia na definição de novas medidas. Sem o controle dessas informações, ou realizando a análise de métricas de forma errada, fica mais difícil planejar medidas de otimização para o seu ponto de venda.

Com essas dicas em mãos, ficou mais claro sobre como planejar a gestão do seu ponto de venda, não é mesmo?

Este artigo foi produzido pelo time da Stone, em parceria com a TagPlus — sistema de gestão comercial online que já ajudou mais de 60 mil empresas a terem mais organização e eficiência nos seus processos administrativos.

Como citamos no ponto 6, ter um software de gestão comercial integrado ao seu fornecedor de pagamento irá trazer inúmeros benefícios para o estabelecimento. A Stone acredita que pagamentos criam, aceleram e evoluem soluções melhorando a experiência de consumo ou até mesmo trazendo eficiência para processos de negócio nas mais diversas indústrias.
Conheça mais sobre o Stone Partner Program e como podemos te ajudar a integrar o Connect em seu sistema de gestão/ERP clicando aqui.