Você já ouviu falar em adquirente? Se o seu negócio trabalha com máquina de cartão, é importante entender esse conceito.

No post de hoje, vamos explicar o que é adquirente e como ela faz a comunicação com as instituições financeiras. Também vamos mostrar como contratar uma adquirente, suas diferenças para a subadquirente e quais benefícios ela traz para o seu negócio. 

Você já quis saber como o valor da compra realizada pelo cliente cai na sua conta depois que ele realiza o pagamento por cartão? Então, vem ler!

O que é adquirente?

Se você tem uma maquininha de cartão no seu negócio, provavelmente comprou de uma adquirente, afinal, é essa a empresa que fornece a solução para pagamentos. A Stone, por exemplo, é uma adquirente.

Então, a adquirente funciona como uma intermediadora entre o seu negócio e o banco assim que o pagamento pela maquininha é realizado.

Mas como funciona a comunicação entre o seu negócio e o banco quando o cliente faz uma compra com você? É o que vamos ver a seguir!

Como acontece a comunicação entre o seu negócio e o banco?

Na prática, a adquirente faz a comunicação com as bandeiras de cartão e com as instituições financeiras emissoras (como Bradesco, Banco do Brasil e Santander), concluindo as transações.

Uma vez que a compra do cliente é aprovada pelos bancos, a adquirente identifica os dados financeiros dele e faz o repasse do dinheiro da conta do consumidor para a conta do seu negócio. 

É importante dizer que isso é feito em um determinado prazo, combinado no contrato com a adquirente. Normalmente, esse tempo é de 31 dias depois da venda por cartão de crédito.

Como contratar uma adquirente?

Quer contratar uma adquirente para facilitar as compras dos seus clientes? Então, você deve entrar em contato com a empresa e fazer um cadastro com ela. Depois, é preciso seguir as diretrizes indicadas para firmar a parceria. 

Finalizando seu cadastro, o time de vendas pode falar com você para discutir os melhores caminhos para o seu negócio, oferecer soluções personalizadas e combinar as taxas a serem pagas, além de tirar todas as suas dúvidas.

Diferenças entre adquirente e subadquirente

Além da adquirente, hoje existem empresas que funcionam como subadquirentes e costumam ser mais adotadas por pequenas lojas e e-commerces, pela sua praticidade de pagamento online. Um exemplo de subadquirente é a Pagar.me

A função da subadquirente é intermediar pagamentos e fazer a conexão entre os clientes, os lojistas e a adquirente, que verifica o saldo do consumidor com o banco e efetiva as transações. 

Normalmente, ela oferece soluções fáceis de implementar na sua empresa, com custo e tempo de integração menores, além de serviços de antifraude que garantem a segurança das operações. 

A cobrança de taxas nesse caso acaba sendo vinculada a sua porcentagem de vendas, o que nem sempre é o mais indicado para todos os negócios.

Benefícios de contar com uma adquirente

Agora que você já sabe o que é a adquirente e como acontece o repasse de dinheiro para o seu negócio, confira 5 benefícios que ela traz para a sua empresa!

  1. Custos reduzidos

Com uma adquirente, os custos por cada transação costumam ser reduzidos. Além disso, você pode combinar taxas personalizadas para o seu negócio e que são estipuladas no contrato.

Algumas adquirentes calculam as taxas a serem pagas de acordo com o seu volume de vendas e o segmento da sua empresa. 

Há também vários modelos de maquininhas para diferentes tipos de negócio e com valores variados. Assim, você consegue escolher qual tem o melhor custo-benefício para a sua empresa.  

Nesse caso, a própria adquirente orienta você em relação ao modelo mais adequado de acordo com as necessidades do seu negócio.

Por isso, é importante contar com uma empresa de confiança e de credibilidade no mercado.

  1. Condições especiais

Contratando uma adquirente para intermediar as transações de cartão no seu negócio, você conta com algumas condições especiais, além da personalização de taxas. 

Além disso, a adquirente pode oferecer um suporte qualificado para tirar todas as suas dúvidas e solucionar problemas.

Outra vantagem de contratar uma adquirente é a possibilidade de antecipar os recebíveis. Ou seja, pedir um adiantamento do dinheiro das vendas antes do previsto. 

Esse é um valor que a sua empresa já iria receber, mas com a antecipação, ela recebe antes do prazo combinado com a adquirente inicialmente.

A garantia também é um benefício trazido pela adquirente. Assim, no caso da necessidade de trocas e manutenções na sua maquininha, isso pode ser feito rapidamente pela empresa fornecedora.

  1. Facilidade de gestão

A adquirente oferece soluções completas para melhorar a gestão financeira do seu negócio. Com o app da adquirente instalado no seu celular, por exemplo, você consegue fazer um controle eficiente da sua empresa na palma da sua mão.

Assim, mesmo depois que a venda é realizada, a adquirente continua oferecendo um suporte para o seu negócio. 

É possível acompanhar suas transações e vendas pelo aplicativo, por exemplo, e realizar a gestão dos seus recebimentos. Você consegue ter clareza sobre cobranças e taxas indevidas, além de ter acesso à performance da sua empresa.

O app também facilita pagamentos e recargas, já que você consegue usar o dinheiro das vendas para pagar seus boletos e recarregar créditos. 

  1. Segurança no recebimento

Uma das vantagens de contar com uma adquirente é a segurança garantida dos seus recebíveis por cada venda realizada. Assim, mesmo que o cliente não pague a fatura do cartão de crédito, por exemplo, a sua empresa recebe o dinheiro da compra. 

Com isso, você não precisa se preocupar se vai ou não receber. Uma vez que a venda é aprovada pelas instituições financeiras, o seu negócio tem a garantia do recebimento. 

Então, além da tranquilidade que isso traz para a sua empresa, você também consegue planejar seu orçamento de acordo com os valores das vendas já feitas, sem sustos no meio do caminho.

  1. Flexibilidade de pagamento

Uma maquininha permite disponibilizar mais formas de pagamento para os seus clientes, já que o cartão é um dos meios mais utilizados pelos consumidores brasileiros. 

Além disso, a maquininha aceita várias bandeiras e diversos vouchers, além de permitir pagamento por aproximação e Pix por QR Code.

Então, essa solução flexibiliza os meios de pagamento para o seu consumidor. Com isso, você evita perder vendas, já que cobre mais possibilidades de pagamento, facilitando a compra para os seus clientes.

As adquirentes têm um papel importante no mercado de pagamentos no Brasil, reduzindo a burocracia das operações financeiras e democratizando os meios para facilitar a jornada de compra dos clientes. 

Com a transformação digital, os meios de pagamentos se modernizam constantemente, como aconteceu com a implementação do Pix no fim de 2020. 

Por isso, se você deseja aumentar suas vendas e disponibilizar as melhores opções de pagamento para os seus consumidores, fechar parceria com uma adquirente pode ser bastante vantajoso para a sua empresa. 

O que você achou do post de hoje? Para mais conteúdos como este, continue acompanhando o Blog Papo de Balcão. Até a próxima!